Você sabia que é possível engravidar com uma trompa e um ovário?

É comum que as mulheres que têm apenas uma trompa e um ovário pensem que terão dificuldades para engravidar.

Pois saiba que isso não necessariamente é verdade. A gestação é possível se estivermos falando da trompa e ovário saudáveis, ambos do mesmo lado.

Na mulher que tem os dois ovários, estes alternam de forma aleatória a função de liberar um óvulo maduro para a fecundação todos os meses.

Entretanto, quando a mulher tem apenas um ovário, ele mesmo se encarrega de liberar mensalmente o óvulo, ou seja, sob essa perspectiva, as chances de concepção são as mesmas.

No caso das trompas, ainda é possível engravidar mesmo após a cirurgia de salpingectomia para retirada de uma das trompas.

O mais importante é que a trompa esteja preservada e sem obstrução, de forma que ela possa cumprir a sua função de conduzir o óvulo para encontrar o espermatozoide, assim como o embrião até o útero.

Agora quando a mulher tem uma trompa do lado oposto do seu único ovário, isso pode gerar mais dificuldade para engravidar, devido à capacidade de mobilidade da trompa para captar o óvulo liberado do outro lado.

Lembre-se de que, se você está tentando engravidar e ainda não conseguiu, não deve desanimar.

O recomendado é buscar um especialista em fertilidade após um ano de tentativas, para investigar a existência de outros fatores.

Para mais informações, fale com a Fertivitro!
WhatsApp (11) 99546-6272.

Dr. Luiz Eduardo Albuquerque
CRM 61351
Reprodução Humana Assistida

#engravidar #trompas #ovários #fecundação #fertilidade #salpingectomia #tentante #vempositivo #reproduçãoassistida #reproducaohumana #medicinareprodutiva #drluizeduardoalbuqueque #fertivitro