Fertilização In Vitro Convencional (FIV)

Popularmente conhecida como “bebê de proveta”, a fertilização in vitro é uma técnica em que a fertilização dos gametas ocorre em laboratório. Os espermatozoides processados são colocados junto aos óvulos, em meio de cultura apropriado e em condições ideais de temperatura e umidade. Os espermatozoides mais rápidos e com melhor potencial de fertilização migram em direção ao óvulo e somente um deles deverá penetrá-lo.

Indicações:
- Ausência ou obstrução tubária;
- Insucesso de reanastomose tubária (reversão de laqueadura tubária);
- Endometriose severa;
- Fator masculino moderado;
- Falha de tratamentos anteriores;
- Falência ovariana (Programa de Ovodoação).